Instalada comissão que começará debate da reforma da Previdência na Câmara

A Câmara dos Deputados instalou, nessa quarta-feira (13), a Comissão de Constituição e Justiça (CCJ). Só havia um candidato para cada cargo em disputa. Felipe Francischini (PSL-PR) foi eleito presidente da CCJ, com 47 votos. Já Bia Kicis (PSL-DF) teve 39 votos e é a nova primeira vice-presidente da comissão. Ao todo, 64 deputados votaram.

Francischini respondeu às críticas de que, aos 27 anos e no primeiro mandato como deputado federal, não teria experiência para liderar os trabalhos na CCJ.

Felipe Francischini ainda não definiu quem será o relator da CCJ e não tem prazo para tomar a decisão. Mas não deve demorar, porque a expectativa é de que a comissão conclua a análise da PEC da reforma da Previdência até o dia 28 de março.

A expectativa era de que essa reunião de instalação da CCJ fosse rápida, mas durou mais de duas horas e meia. Primeiro, não havia acordo sobre quem deveria conduzir os trabalhos. Quando o assunto foi superado, as urnas eletrônicas que deveriam registrar os votos dos deputados não funcionaram e os parlamentares precisaram votar em cédulas de papel. A CCJ será o primeiro colegiado a analisar a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) da reforma da Previdência. Os membros da comissão não vão analisar o mérito da PEC, mas se o texto respeita as leis.

Além da CCJ, outras 13 comissões foram instaladas nessa quarta-feira. Na manhã desta quinta-feira (14), serão instalados os colegiados que ainda faltam para completar o conjunto de 25 comissões permanentes da Câmara.

Fonte: EBC

Fale conosco
Rua Gal. Tertuliano Potiguara, 575
Aldeota - CEP 60135.280
Fortaleza - Ceará - Brasil
Tel. +55 (85) 4009 6999
Fax. +55 (85) 4009 6992
contato@cletogomes.adv.br
NEWSLETTER

Assine nosso informativo

Email*